Maldade Divina

4 de ago de 2009

Tua Imagem



Tua Imagem

Tua imagem é a sublimação que provoca em meu corpo
O desvario.
E sem dó rasga meu peito.
Querendo arrancar meu coração.
Tua imagem é uma alucinação que me persegue...
Fazendo meu coração saltitar...
Querendo devorar tuas formas.
E, sem disfarce, a tua imagem deslumbra-me.
Atiçando meus desejos contidos na forma com que eu te vejo.
Tua imagem basta para estremecer-me.
Sustentar minh`alma, meus delírios inexplicáveis.
Porque!
Tua imagem faz meus olhos brilharem encandeados.
Quando na confluência do amor...
Deparam com os teus.
Tua imagem faz transcender a quimera de um amor recente.
E, a paixão de um amor presente.

Irismar Andrade Santiago

Direitos Reservados

Um comentário: